Escritores

Dalton Trevisan



Dalton Trevisanformou-se em Direito e liderou o grupo literário que publicou, entre 1946 e 1948, a revista Joaquim. A publicação, que circulou até dezembro de 1948, continha o material de seus primeiros livros de ficção, incluindo Sonata ao luar (1945) e Sete anos de pastor (1948). Nascido em 1925, Trevisan é reconhecido como um dos maiores contistas da literatura brasileira pela maioria dos críticos do país e um mestre da concisão. Apesar disso, é avesso a entrevistas e exposições na mídia, o que lhe rendeu a alcunha de “Vampiro de Curitiba”, nome de um de seus livros.Além da Literatura, Trevisan exerce a advocacia e é proprietário de uma fábrica de vidros.



Obras principais
Cemitério de Elefantes (1964)
O Vampiro de Curitiba (1965)
Essas Malditas Mulheres (1982)
Meu Querido Assassino (1983)
A Polaquinha (1985)
Noites de Amor em Granada
Pão e Sangue (1988)
Em Busca de Curitiba Perdida (1992)
Ah, É? (1994)
234 (1997)
Quem tem medo de vampiro? (1998)
Capitu Sou Eu (2003)
Arara Bêbada (2004)
O Anão e a Ninfeta (2011)



Mais informações em http://pt.wikipedia.org/wiki/Dalton_Trevisan


MASTER
24/03/2015

 

 

Site desenvolvido por metamorfose agência digital

DEPOIMENTOS

"Fiquei muito satisfeito com o conteúdo da Oficina. Minha experiência com escrita, agora vejo com maior clareza, era inteiramente prática ou intuitiva e, certamente, passível de ser substancialmente melhorada. Gostei muito da orientação obtida através da Oficina e, em particular, da tua avaliação do material dos desafios."

Décio Oliveira Elias,
Rio de Janeiro, RJ

mais depoimentos

 

Para Oficina de Criação Literária

 

 

 

curso desenvolvido pela