Blog da Oficina

Quatro Estações

Se conheceram em uma tarde de verão
Ela com um shorts curto
A outra com óculos escuros
As duas com borboletas no coração
Num susto, sorriram sem querer
Como que se reconhecessem de outras vidas
Marcaram de se ver em outras esquinas
E os beijos abafavam o que não sabiam dizer
No outono, resolveram namorar
Briga vem briga vai
Roupa aqui roupa lá
Será que dessa vez iria mesmo durar?
As árvores já secas
Os beijos já parcos
Marcaram uma viagem
Bem no dia dos namorados
Quando lá chegaram a surpresa:
Nem fogo, nem canto, nem dor
Apenas a dúvida pálida em cima da mesa
Será que o que sentiam era amor?
Foi no fim do inverno
Que o sentido finalmente surgiu:
O amor é essa coisa abstrata
Que nunca ninguém viu, sentiu
E a sorte que tinham
Era também uma maldição
Mudaram as vidas, marcaram casório
Mas ai, quem há de entender o coração?
Na outra esquina, que agonia
Se movia uma forma sem cor
Via-se a sombra florida da concubina
Fria ladra do amor


Sara Ribeiro nasceu em 1993, em Porto Alegre/RS, mas pegou um dia resolveu ir pra Irlanda... E lá ficou. Leitora assídua de todas as artes literárias, escreveu seu primeiro livro aos cinco anos e hoje escreve para tirar do rascunho os outros quatro que ainda não publicou.

Sara Ribeiro
22/04/2020

 

 

Site desenvolvido por metamorfose agência digital

DEPOIMENTOS

"Fiquei muito satisfeito com o conteúdo da Oficina. Minha experiência com escrita, agora vejo com maior clareza, era inteiramente prática ou intuitiva e, certamente, passível de ser substancialmente melhorada. Gostei muito da orientação obtida através da Oficina e, em particular, da tua avaliação do material dos desafios."

Décio Oliveira Elias,
Rio de Janeiro, RJ

mais depoimentos

 

Para Oficina de Criação Literária

 

 

 

curso desenvolvido pela