Blog da Oficina

Esmalte vermelho

– Biscoito, biscoito, biscoito. Boa tarde, madame! Biscoito salgado, doce. O que vai hoje?

– Nada, obrigada. Eu não como biscoitos! De olho no semáforo que esperava que abrisse logo, pra livrá-la do assédio dos ambulantes.

– Tem bala, chocolate, chiclete. Se a madame quiser eu grito pro vendedor, são todos meus amigos.

– Não. Tenho horror de comer coisas vendidas no semáforo.

– Tem outras coisas que a gente vende aqui: capa de celular, limpador de parabrisas, pano de prato.

– Como você é insistente, mulher! Olha, que o sinal vai abrir e você vai perder a chance de vender seus biscoitinhos.

– Ah! Não tem pressa, não. Esse sinal é muito demorado. – Falava com energia enquanto chacoalhava a infinidade de pacotes enfiados nos braços. – Voltando da manicure, madame?

– Como você sabe?

– Basta olhar pra suas mãos, seu esmalte está brilhando muito e o cheirinho dá pra sentir de longe. Eu vejo a madame passar toda a semana aqui, já faz tempo.

– Eu sei. Toda vez é a mesma conversa, você oferece os biscoitos e fica olhando minhas unhas, até parece que vai tirar um pedaço.

– Já nem adianta oferecer, a madame não compra mesmo, mas não tem problema o que eu vendo por aqui todos os dias compensa os que a senhora nunca comprou.

– Se você sabe que não vou comprar, por que vem me incomodar toda vez?

– Para olhar suas unhas bonitas e sentir o cheirinho desse esmalte.

– Ora, ora... para você me deixar em paz vou lhe dar um dos meus esmaltes. – Abriu a bolsa com impaciência, a fim de se livrar logo daquela mulher pegou seu esmalte vermelho sangue e entregou a vendedora. – Toma esse, já está no final. – E estendendo a mão para fora da janela do carro viu quando num ímpeto, de euforia, a vendedora estendeu os braços derrubando todos os pacotes de biscoitos no chão deixando expostos os braços com as mãos. Amputadas.

– Obrigada! Coloque aqui, dentro dessa bolsinha.


Rachel Bueno é professora aposentada da rede Pública Municipal de Campinas e escritora. Formada em Letras e Pedagogia, é mestre em História da Educação pela Universidade Estadual de Campinas (Unicamp). Seu título de mestre foi obtido através da defesa de dissertação sobre o escritor Euclides da Cunha. Autora do livro: Aconteceu em Agosto: Casos e causos das Semanas Euclidianas. (https://euclidesite.com.br/aconteceu-em-agosto/ )
Possui um canal no Youtube, Espaço Literário Joana Imaginária, onde divulga seus textos e os de seus amigos.

Rachel Bueno
12/08/2021

 

 

Site desenvolvido por metamorfose agência digital

DEPOIMENTOS

"Fiquei muito satisfeito com o conteúdo da Oficina. Minha experiência com escrita, agora vejo com maior clareza, era inteiramente prática ou intuitiva e, certamente, passível de ser substancialmente melhorada. Gostei muito da orientação obtida através da Oficina e, em particular, da tua avaliação do material dos desafios."

Décio Oliveira Elias,
Rio de Janeiro, RJ

mais depoimentos

 

Para Oficina de Criação Literária

 

 

 

curso desenvolvido pela